HOJE: Dia Internacional dos Direitos Humanos

A Declaração Universal dos Direitos do Homem foi adotada 66 anos atrás. Em 10 de dezembro de 1948 ela foi adotada pela Organização das Nações Unidas para delineia os direitos humanos básicos.

Sem alguma alteração, os princípios fundados antigamente ainda valem hoje. Os desafios não diminuíram ao longo do tempo e ainda há perseguição de minorias religiosas, tortura, restrições à liberdade de expressão, falha na execução de direitos econômicos, sociais e culturais, como o direito à água e saneamento ou o direito à habilitação adequada. Isso tem como consequência o ferimento da dignidade humana.O Ministério das Relações Externas, Frank-Walter Steinmeier, disse hoje (10/12) que “o respeito pelos princípios dos direitos humanos universais são elementos essenciais em nossa polícia, tanto dentro do nosso país, como no exterior.” Ele parabenizou o novo presidente do Conselho de Direitos Humanos, Joachim Rücker, por sua conquista e desejou-lhe os maiores êxitos. Ele foi eleito nessa segunda-feira (08/12) pelos 47 Estados-Membros. O conselho visa reforçar a promoção e a proteção dos direitos humanos no mundo

A Declaração Universal dos Direitos do Homem é composta por 30 artigos que definem os princípios básicos dos Direitos Humanos. O ponto de partida é o artigo 1° que apresenta o principio fundamental que “todas as pessoas nascem livres e são iguais em dignidade e direito”.Para mais informações acesse o site do Alto Comissariado para os Direitos Humanos:

www.ohchr.org

Direitos Humanos

Menschenrechte

Liken Sie uns auf Facebook !

Facebook

Twitter Auswaertiges Amt

twiiter
Das Auswärtige Amt

Vistia a Página do Ministério Federal das Relações Externas da Alemanha no Instagram.